15 abril 2016

O que fazer em Itaipava com um bebê:

Nada! Na verdade, Itaipava já tem aquele clima de preguiça que o melhor a fazer lá é nada, com um bebê então, os passeios se limitam mais ainda.
Fizemos muita caminhada, comemos bastante conforme comentei no post anterior, visitamos os shoppings ao longo da Estrada União Indústria e visitamos o Hortomercado, Parque Municipal de Petrópolis, Castelo de Itaipava e a Feirinha.
Falando de cada um deles: Hortomercado nada demais. Uma grande feira de frutas e verduras dentro de um galpão. Como em toda feira, os produtos são frescos e dá uma vontade de comprar tudo, mas o preço não compensa muito, mesmo preço salgado do Rio. O diferente mesmo é o Bar do Horto que já comentei no post da comilança.

Parque Municipal de Petrópolis, um excelente espaço para quem tem criança. Entretanto, achei o parque bem mal tratado, abandonado. No dia que visitamos o tempo estava feio e chuviscando, não sei em dias quentes se ele aparenta ser mais simpático e com mais atrativos.

Entrada do HortoMercado
Bar que fica dentro do HortoMercado que vale a visita
Entrada do Parque Municipal




Castelo de Itaipava, um verdadeiro castelo. Super imponente, lindíssimo, eu particularmente nunca tinha ido e fiquei encantada com o tamanho e o interior dele. Hoje, o castelo é local de eventos e festas, mas o seu interior não pode ser totalmente visitado e nos jardins é onde acontecem exposições e eventos, como festa junina, queijos e vinhos e festa a fantasia. Mesmo que seja só para passar na porta, vale a pena ir até lá.  Nesse caso, é preciso ir de carro, pois ele fica mais afastado da rua central.

Por último, a famosa feirinha de Itaipava, que não podia ir embora sem passar por ela. Só que ela se tornou tão famosa e foi crescendo de tamanho que se mudou para um espaço na beira da estrada na saída de Itaipava. Local é enorme, com estacionamento e muitas, mas muitas barracas com milhares de opções de roupas para crianças e adultos. Confesso que me surpreendi muito, pois imaginei encontrar uma feirinha com artesanatos e nada demais. Mas me enganei, havia muitas lojinhas interessantes que desejei a comprar. Ainda bem que estávamos com pouco tempo e paramos ali apenas para conhecer e dar uma voltinha. Ou seja, quando voltar a Itaipava, irei reservar uma tarde à feirinha (risos).


Nenhum comentário:

Postar um comentário