19 julho 2015

Arraial do Cabo: Mais um destino na Região dos Lagos

Arraial do Cabo está aproximadamente a 2h do Rio de Janeiro, claro que tudo depende do transito, mas a viagem é tranquila e a estrada é excelente, conforme já mencionei no post sobre Búzios.

Outro ponto em comum com Búzios e a procura na alta temporada. Todos querem aproveitar o Sol nas praias paradisíacas de Arraial do Cabo. Não é a toa que esse balneário é conhecido como Caribe brasileiro.

As praias, realmente, são encantadoras com águas cristalinas e um mar com tonalidades de azuis e verdes de tirar o folego. Entretanto, Arraial do Cabo perde muito em termo de infraestrutura. Não é um balneário com aquela agitação de Búzios e sim um lugar para descansar e aproveitar bem o dia, já que não há vida noturna. Eu, particularmente acho uma pena, pois existe uma procura grande por turistas e acredito que se houvesse um pouco mais de opção em termos de restaurantes e opções à noite, o balneário lucraria muito mais com isso. Mas segundo alguns funcionários, de pousadas em que nos hospedamos, o prefeito da cidade não quer investir em infraestrutura e entretenimento, pois isso faria com que o balneário ficasse muito cheio e tumultuado. E segundo ele, Arraial do Cabo é um destino para descansar e curtir a calmaria. Além dessa teoria do prefeito, existe, talvez, o verdadeiro motivo pelo descaso, mas isso vocês podem acompanhar aqui, onde a Nivea Atallah, do blog Destino de Viagem, conta os imbróglios políticos que deixaram Arraial do Cabo esquecido no tempo.


Independente de qualquer problema político ou descaso do prefeito, a cidade vale a pena de ser visitada. Nós estivemos em Arraial do Cabo três vezes (2011,2014 e 2015) e posso afirmar que essas teorias são verídicas, pois desde 2011 que não há nenhuma evolução. 

Sei que devem estar se perguntando por que visitamos três vezes, já que afirmo que Arraial do Cabo ficou parado no tempo. Certo? Bom, primeiro porque o lugar é lindo e mesmo com pouca infraestrutura, esse balneário é ideal para recarregar as energias. Mas, o real motivo das nossas viagens foi: 

  • 2011 - curso de mergulho do marido;
  • 2014 e 2015 - corrida de revezamento (cross country), cujo objetivo é percorrer toda a ilha . Como trata-se de uma corrida de revezamento sempre vamos com grupo de amigos, o que torna a viagem mais divertida.



Se vocês ainda não se convenceram que vale a pena programar um fim de semana para relaxar nesse balneário que tem um ar rústico, rodeado de muita natureza, acompanhem os próximos posts e me digam se a cor cristalina do mar, as areias brancas e a vida marinha não fazem jus ao apelido de Caribe brasileiro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário