04 março 2012

Mais uma vez, Montevidéu!

Pois é, como relatado no outro post, jamais imaginei que conheceria Montevidéu e jamais imaginei que voltaria!!! Rsrsrs
Na verdade, conclui que Montevidéu é uma cidade de passagem. Sim, pois dessa vez meu destino principal era Punta Del Este, mas planejei uma viagem, de forma que pudesse explorar a cidade de Montevidéu com calma, passando dois dias, que são mais do que suficientes para conhecer.

A cidade é bem simpática, mas sem grandes atrativos. Além de ter o centro histórico tão sujo quanto o centro do Rio (vejam como as coisas mudam, em 2007 a impressão que tive foi que a cidade era limpa, conforme descrevi aqui), assim como as ruas desertas e abandonadas aos domingos. No entanto, o ponto forte da cidade é a comida e o doce de leite. Ah!!! O doce de leite, que estava presente em todos os lugares!

Como já mencionei, mas nunca é demais repetir... Para viajar para o Uruguai não é necessário passaporte e nem visto, mas a carteira de identidade deve estar em perfeitas condições. Assim como também não é necessário levar muito peso Uruguaio, já que a moeda brasileira (real) e o dólar são bem aceitos. Mas, como estamos em outro País,nada mais cordial do que usar a moeda local.  Procure trocar nas casas de cambio do centro da cidade que possuem melhor cotação. Na época, 2012, a conversão foi 10 pesos para R$ 1,00.

Com relação ao deslocamento do aeroporto, que fica a mais ou menos 23Km do centro, procure uma loja de transporte que fica no desembarque próximo a central de turismo, pois nessa loja é possível negociar o trajeto com mais 4 pessoas de van, o que sai bem mais em conta (em torno de R$ 20,00). As demais opções são: ônibus ou taxi que sai em torno de R$ 80,00.

Em Montevidéu não há necessidade de alugar um carro, pois as atrações são próximas e não há muitos estacionamentos. Sendo assim, procure ficar hospedado no centro próximo a Plaza da Independência, ficamos no hotel Esplendor Cervantes que recomendamos muito, pois o hotel está novinho, atendimento excelente e o café da manhã é servido na cobertura, podendo apreciar uma vista da Plaza principal da cidade. 

Foto tirada do site do hotel.

Em alguns lugares há recomendações de hospedagem em Pocitos que é próximo as praias,porém é um pouco distante das atrações turísticas, por isso, recomendo ficar no centro e tirar um dia para explorar Pocitos e Punta Carretas, bairros próximos e bem descolados com barzinhos e agito a noite.


Nenhum comentário:

Postar um comentário