26 setembro 2011

Fisherman wharf e Pier 39

Esses dois lugares ficam bem próximos e podem ser explorados no mesmo dia que alugar a bicicleta.
Fisherman Wharf é um antigo atracadouro de pescadores e agora é um dos pontos turísticos mais animados, já que neste marco se aglomeram artistas de rua, lojas e vendedores ambulantes, sem falar nas inúmeras lojas de malhas, bijuterias e tudo mais que se possa imaginar. Mesmo parecendo bem tumultuado, vale passear pelas ruas e descobrir curiosidades como a padaria Boudin que da calçada é possível acompanhar os padeiros preparando os pães, em formatos de siri e outros animais simpáticos, e como estes são levados até as prateleiras. Além da padaria, tem uma loja enorme de chocolates que foi impossível resistir. O mais importante se estiverem doidos para experimentar aqueles caranguejos gigantes, típicos da região, é sentar em uma das barracas que circulam a praça principal, que num primeiro momento pode até parecer uma grande feira. Mas acreditem, é lá que estará o caranguejo mais gostoso e também o mais em conta.

O melhor desse complexo de barracas é que pode-se escolher o caranguejo que desejar. O único problema é que essas barracas fecham cedo, então, não deixe escurecer para experimentar o famoso caranguejo para não ficar sem ;-)

Já o Pier 39 é um centro comercial de dois andares com um conjunto de restaurantes famosos como o Hard Rock, Buba Gump, Johnny Rocket's entre outros. Além dos restaurantes, também existem os museus como o Aquarium of the Bay, Museu de Cera e o Museu Nacional Marítimo. Entretanto, o melhor deste lugar é passear sem pressa, entrar nas diversas lojinhas simpáticas, aliás, ficamos impressionados com a quantidade de lojas de ímãs, são mais de quatro lojas imensas que vendem todo tipo de imã.



Por último, apreciem o por do sol da parte de trás do Pier 39, onde estão aglomerados centenas de leões marinhos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário