12 dezembro 2010

Parque das Aves

Como o próprio nome já diz: Parque das Aves, é um parque, onde contém uma variedade de espécies de aves, todas dispostas em viveiros amplos e muito bem cuidados, mas o grande diferencial é a possibilidade de entrar em cada um deles e observar de perto a exuberância dos tucanos, araras, flamingos e tantas outras aves. 

Quando li a respeito desse passeio, imediatamente quis incluir no nosso roteiro, visto que trata-se de uma proposta diferente dos zoológicos, já que te permite entrar nos viveiros com os pássaros soltos, e para os mais corajosos até pegar e fazer carinho nos tucanos, por exemplo. 

Confesso que no início fiquei um pouco receosa, pois achava que os pássaros iam avançar, mas depois percebi que eles até faziam pose para as fotos. O único viveiro que não tive coragem  de entrar mesmo foi o das araras, pois elas ficavam sobrevoando os transeuntes, além de ficarem gritando, então preferi observar de fora a entrar. Até porque poderia ser premiada com alguma “munição”.

Esse passeio é realmente surpreendente, visto que o parque é enorme e a cada curva existe um viveiro diferente com uma gama de espécies, sem contar o parque como um todo que é bem bonito. Caso estejam em Foz do Iguaçu não deixem de ir, principalmente se estiverem com crianças, pois vi algumas delas por lá, simplesmente adorando o contato com os animais.


Em minha opinião, o que mais valeu a pena no Parque das Aves, foi:
  • Os tucanos, que são lindos, fofos e eles deixam chegar bem próximo para fotografar; 
  • Viveiro Floresta; 
  • Viveiro Pantanal, vale muito mais pelo local, pois os pássaros são os mesmos são comuns, nenhum de muito diferente;
  • Viveiro das Araras, do lado de fora, é claro;
Viveiro das Araras
Viveiro Pantanal

Viveiro das Araras

O Parque das Aves está localizado em frente as cataratas do lado brasileiro, o que permite conciliar esses dois passeios em um único dia. Nós não sabíamos dessa proximidade e acabamos fazendo o trajeto até esses lados duas vezes. Uma para o Parque das Aves, que fomos no mesmo dia que visitamos o Paraguai, e no outro dia para as Cataratas do lado brasileiro. Hoje se pudesse alterar o itinerário teria feito a dobradinha: Cataratas do lado brasileiro + Parque das Aves.

O trajeto até o Parque das Aves ou até as Cataratas do lado brasileiro é necessário ir até a rodoviária e pegar um ônibus (não lembro o número, mas como a cidade é pequena acho que é o único que corta a cidade toda) e descer em frente a qualquer uma das duas atrações. Cuidado na volta, pois os ônibus possuem horários certos para passar e após um determinado horário, que também não me recordo, não há mais ônibus e conseguir um transporte para voltar para os lados da cidade (hotel) é bem complicado.



No caminho de volta para o hotel, avistei uma casa simpática com o letreiro artesanatos e chocolate caseiros, não preciso dizer que desci para explorar o local...e imediatamente me arrepender de ter feito isso, sim, pois os artesanatos se resumiam a replica das aves em pedras, lindíssimas, mas caríssimos e os chocolates nem eram TÃO gostosos. Resumo, não vale a pena perder tempo de parar ali.




Informações Importantes do Parque das Aves:

- Abre diariamente das 08:30 as 17:30;
- Entrada R$ 18,00, mas existem alguns flyer com desconto, solicite um no hotel.

Nenhum comentário:

Postar um comentário