01 fevereiro 2010

Conhecendo um pouco mais Morro de SP...

Passear sem compromisso pelas quatro praias de Morro de SP, ir até a tiroleza e entrar nas diversas lojinhas já compensam a viagem. Porém existem alguns passeios que podem ser contratados na própria pousada ou na vila, onde se encontram várias lojas de turismos.
Das duas vezes que fui, fiz o passeio a Ilha Boipeba, mas existe outro passeio de barco e um à cavalo para os que gostam de fazer travessias e passar o dia galopando.

Caso estejam em um grupo grande, contrate uma lancha apenas para o seu grupo, pois com isso, terá a liberdade para ficar o tempo que quiser em cada parada. O passeio dura o dia inteiro e possui duas paradas, uma para mergulhar com máscara e poder ver os peixeis e corais, mas se a água estiver turva a visibilidade fica prejudicada, então não vale muito a pena ficar parado muito tempo. A segunda parada é na Ilha de Boipeba mesmo, onde é possível percorrer uma trilha, passando pela praia de Tassimirim. E ai sim, sentar em alguma das barracas de praia e almoçar. Apenas um lembrete, procure se informar se a barraca escolhida aceita cartão, já que isso é um pouco raro por lá.

Assim que o guia parar a lancha em uma praia simples e aconchegante, não deixem de experimentar as lagostas da unica barraca existente! São simplesmente maravilhosas e enormes também!
Depois siga caminhando até a praia principal, onde é possível mergulhar e ai sim, escolher uma barraca e almoçar. No meu caso, havia comido tanta lagosta que fiquei apenas nos petiscos.




No trajeto de volta para o porto, lugar onde o passeio termina, existem alguns bares flutuantes. A idéia é bem original e vale a pena pedir para parar, apenas para ter a experiência de estar num bar flutuante. Pois depois de tantas paradas gastronômicas espera-se que não esteja com fome, mas uma bebida é sempre bem vinda, inclusive a água, pois o sol é forte demais e não se esqueçam de se hidratarem.
A especialidade desses bares são ostras, eu não gosto, mas quem gosta diz que são muito gostosas.

Na volta, ainda é possível apreciar o por do sol. Não deixe de tirar fotos, já que o tempo no verão é bastante traiçoeiro e no final da tarde costuma chover, para dar uma refrescada e também para não permitir que se veja o por do sol por inteiro....
                                                    

                                                     

Um comentário:

  1. Muito bom Alê! Ainda não conheci Morro, mas tá na minha lista.
    Aliás, que por do sol! Eu prefiro até assim com as nuvens do que sem. Dá um contraste, com os feixos de luz saindo por detrás das nuvens... muito lindo! :)
    Bjs!

    PS: espero ansioso pelas fotos e dicas de Punta Cana!!! hehehe

    ResponderExcluir