11 janeiro 2010

As Praias

Primeira Praia:

É frequentada apenas pelos nativos, pois não tem muito agito e possui muitos corais.
Nessa praia está a tirolesa, mede 340 metros de cabo a 70 metros do chão e de acordo com os proprietários é considerada a maior tirolesa do Brasil de aventura dentro da água. O acesso é próximo a entrada da ilha, em frente a igreja, sendo o caminho uma pequena trilha íngreme, cansativa. Na primeira parte da trilha avista-se o farol. Muitas pessoas dizem que assistir o por do sol do farol é algo indescritivel, porém recomendo ir a um restaurante chamado toca do morcego, cuja vista é a mesma e o lugar tem música ao vivo, pois ao anoitecer essa parte do Farol não é iluminada e diria que é até perigoso.

Voltando a trilha para chegar a tirolesa, fizemos essa trilha no último dia em Morro de São Paulo, após o carnaval, ressaca do morro, então, estávamos exaustos e o percurso demorou mais que o previsto. Caso vocês não possuam interesse em pular da tirolesa, não deixem de subir até lá, pois, existe um mirante cuja vista é extraordinária. É possível avistar até a quarta praia, águas azuis esverdeadas e tão transparentes que é possível ver os corais lá de cima. Simplesmente imperdível!!!!

Confesso que não pulei na tirolesa, sou um tanto medrosa e quando cheguei lá em cima, morta pela caminhada e ainda avistei a altura, bateu um frio na barriga e preferi desfrutar apenas do visual.

O horário de funcionamento da tiroleza é das 9h às 17h sendo que na alta temporada fica até às 18h. O valor para saltar é R$ 25,00.


Segunda Praia:

É onde se concentram toda agitação, burburinho, gente bonita tanto de dia quanto a noite. De dia, é ótima para deitar em uma das camas dispostas nas areias, mas tem que chegar cedo, porque são concorridas principalmente em alta temporada. A praia toda têm só quatrocentos metros, e é cercada de arrecifes de coral, ou seja, nunca tem ondas.À noite é o lugar do luau, dos inúmeros bares, danceterias, restaurantes.


 
 
Terceira Praia:
 
Dessa praia é que saem as embarcações para os passeios de barco. O passeio mais conhecido é para Ilha de Boipeba que falarei mais para frente.
Fora isso, digamos que essa praia não é propicia a banho, pois a maré sobe rapidamente, excluindo a pequena faixa de areia.
 
 
 
 
 
Quarta Praia:
 
Praticamente uma praia deserta, quase não é frequentada por banhistas. Para chegar caminhando o percurso levar em torno de 30 minutos caminhando a partir da vila.
Logo no inicio dessa praia, ainda é possível encontrar movimento devido as piscinas naturais, inclusive alugam mascaras para mergulho e oferecem comida para das aos peixes. Não aconselho pagar para fazer esse mergulho, pois quase não avistei nenhum peixe e o local é bem pequeno. Não lembro o preço, mas é um passeio que não vale a pena.
Em frente a esse local, tem um restaurante enorme, estilo rustico que eu prefiro sentar, aproveitar o visual e beliscar alguns petiscos, mas cuidado com o preço dos pratos é preciso saber escolher porque senão deixará uma fortuna. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário